quinta-feira, 17 de junho de 2010

Quando o regente desaparece...

O que acontece quando o maestro sofre um acidente minutos antes ou até mesmo durante um concerto? A NHK Symphony Orchestra mostrou coragem, fez milagre e conseguiu em um de seus concertos em 2003, se virar extremamente bem sem o regente no último movimento da Sinfonia n.4 de Tchaikovsky. Nunca vi isso, é inacreditavel. Divirtam-se!




Abraço a todos,


John Blanch
(Twitter / Formspring / Site / Email)

5 comentários:

  1. Impressionante o que bons músicos podem fazer! Abs Domingos

    ResponderExcluir
  2. que coisa... muito bom. Os músicos foram muito bem, mostraram que ensaiaram bastante e que sabiam o que estavam fazendo, e parabéns pro maestro também, representou tão bem o que é a quarta sinfonia de Tchaikovsky que os músicos conseguiram executá-la mesmo sem sua presença, esse maestro, mesmo não estando ali, valeu mais que muito maestro que estaria presente no local.

    ResponderExcluir
  3. hey cara, você podia fazer uma análise dos 4 movimentos da "Serenade for Strings op. 48" de Tchaikovsky! É uma das músicas mais linda que eu já ouvi.

    ResponderExcluir
  4. Hoje em dia é preciso de músicos assim...com qualidade e competencia no que fazem, bravos músicos e ao maestro claro...estando ou nao ali! Bravo!

    ResponderExcluir